re.verb

cultura, crítica e tudo o mais

Guerra e Paz

em fevereiro 24, 2012

O Memorial da América Latina, em São Paulo, é a morada temporária dos painéis Guerra e Paz, de Cândido Portinari, até 21 de abril, quando partirão para outros estados brasileiros até retornarem aos Estados Unidos, em agosto de 2013.

A exposição é uma oportunidade única para conhecer e admirar o melhor trabalho já feito pelo pintor paulista de acordo com….ele mesmo! Portinari levou quatro anos para concluir os painéis (de 1952 a 1956), que foram encomendados pelo governo brasileiro e presenteados a sede da ONU, em Nova York.

Monumentais (14 x 10m) e dotados de uma complexidade genial, os painéis retratam dois extremos da desgraça e da esperança humana: a destruição causada pela guerra e a bem-aventurança da retomada da paz.

A exposição traz, ainda, diversos estudos e quadros do pintor que serviram de base para a composição dos painéis – nem o próprio Portinari chegou a vê-los em conjunto. Apesar de a mostra sugerir que o visitante inicie seu tour admirando os gigantes Guerra e Paz, descobrir inicialmente seus pequenos trechos ajuda a captar as minúcias do pintor, a emoção de cada cena desenhada na obra final e, ainda, a entender a dor e a esperança que compõem o contexto das obras.

Contemplar o painel Guerra nos remete a um cenário de morte iminente, de desespero diante da impotência que nos rege face à barbárie humana. Paz, por sua vez, traz diversos elos que sugerem fraternidade e leveza e por que não dizer que nos traz a própria paz ao admirá-lo.

“Diante destes choros, destes cavalos marinhos, que falam ao mar profundo de minh’alma, me sinto em estado de absoluta inibição crítica. Tudo que posso fazer é admirar.” (Manuel Bandeira)

Anúncios

4 respostas para “Guerra e Paz

  1. Maria Angelica Garcia disse:

    Amei, Dri! Obrigada pela dica e pelo ótimo post, vou ver a exposição com certeza!

  2. Julio Melo disse:

    Eu sou carioca e volta e meia eu vou à SP. Passei a última virada de ano lá pois participei da Corrida de São Silvestre. Em SP eu conheço o Ibirapuera, a Av. Paulista, a 25 de Março, a Galeria do Rock… e falta eu conhecer o Memorial da América Latina. Com certeza vou anotar no meu próximo roteiro.

  3. NatyH disse:

    Adorei a dica. Uma boa para o final de semana poa carnaval !!!!!

  4. Rodrigo Teixeira disse:

    Ótima dica ! Reflete muito bem a sensação ao contemplar os “gigantes”… Parabéns !!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: